Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação
Libras
Mapa do Site

Paraguaçu Paulista, terça-feira, 04 de outubro de 2022 Telefone (18) 3361-9100

Atendimento Atendimento: Atendimento ao público, de segunda-feira a sexta-feira, das 8 horas às 11 horas e das 13 horas às 16h30. 

Segu
03/10
Chuvas Isoladas
Máx 25 °C
Min 16 °C
Índice UV
12.0
Terç
04/10
Predomínio de Sol
Máx 26 °C
Min 14 °C
Índice UV
12.0
Quar
05/10
Predomínio de Sol
Máx 28 °C
Min 14 °C
Índice UV
12.0
Quin
06/10
Pancadas de Chuva
Máx 31 °C
Min 15 °C
Índice UV
12.0

Educação - Segunda-feira, 28 de Março de 2022

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Nota Oficial

Nota oficial sobre o piso do magistério


Nota Oficial

Nota da Prefeitura Municipal sobre o impacto do novo piso salarial do magistério e a necessidade de apoio da União aos municípios

O recente reajuste do Piso Salarial Profissional Nacional para os Profissionais do Magistério Público da Educação Básica (PSPN), de 33,24%, é um fato amplamente celebrado pelos educadores brasileiros em função do impacto de valorização da carreira do magistério. Dentre outros benefícios, o aumento do piso significará um grande incentivo para que jovens tenham maior interesse em trilhar essa importante profissão.

O que se precisa esclarecer, neste momento, é que o reajuste proposto deriva da atualização do percentual de crescimento do valor aluno/ano mínimo do FUNDEB. Esse é o ponto delicado. Inúmeras redes municipais de ensino estão com sérias dificuldades para o cumprimento do novo Piso Salarial Profissional Nacional para os Profissionais do Magistério Público da Educação Básica, uma vez que as disponibilidades fiscais para investimento são insuficientes para cobrir o necessário aumento salarial – como argumentam a Confederação Nacional de Municípios (CNM) e a Frente Nacional de Prefeitos (FNP). Isso ocorre porque, no último biênio, grande parte dos municípios não teve o incremento nas receitas do FUNDEB em números semelhantes ao reajuste do Piso, isto é, de 33,24%.

Sendo assim, entidades representativas dos municípios afirmam que há dúvidas quanto à eficácia do critério de reajuste do piso nacional, alertando que o procedimento impreciso é cercado por uma grave insegurança jurídica.

No Estado de São Paulo, por exemplo, dos 645 municípios, em 593 deles o aumento de receita do FUNDEB foi inferior a 33%; dentre esses municípios está Paraguaçu Paulista.

Neste momento, portanto, é fundamental o papel do Governo Federal na garantia do Piso Salarial do Magistério. Municípios aguardam a União complementar os recursos para poderem cumprir o valor fixado do Piso.

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

Nenhuma unidade fiscal cadastrada no momento!

Versão do sistema: 2.0.0 - 30/09/2022

Portal atualizado em: 03/10/2022 14:08:42

Prefeitura Municipal da Estância Turística de Paraguaçu Paulista - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.